VISUALIZAÇÕES

quinta-feira, 11 de junho de 2009

E-MAIL....

Recebi um e-mail hoje que me deixou prenhe de júbilo, quero compartilhá-lo com todos.


Querida poeta. Li seu livro de uma sentada. Ele me agradou por vários motivos, mas principalmente por sua capacidade de manipular o sentimento sob forma de linguagem, sem cair no piegas como muitos que vejo hoje. Você mexe bem com as coisas prosaicas, sabendo-lhes dar seu lugar lírico. E seu verso é enxuto.
Parabéns de um fã sexagenário
Ildásio*

*Ildásio Tavares:

Pertence à geração da Revista da Bahia, com o Cyro de Mattos, Marcos Santarrita, José Carlos Capinam, Ruy Espinheira Filho e vários outros.Nasceu na atual cidade de Congogi, região do cacau da Bahia, em 25 de Janeiro de 1940. Em Salvador, formou-se em Direito e em Letras na UFBA, tendo feito o Mestrado na Southern Illinois University, o Doutorado na UFRJ e um Pós-Doutorado na Universidade de Lisboa.Publicou seu primeiro livro de poesia, Somente um canto, em 1968, e continuou publicando livros de poesia e de prosa (romances, teatro e ensaios). Participou, também, da música popular brasileira, como letrista, em gravações de Maria Bethânia, Alcione, Cláudia, Vinicius e Toquinho, Nelson Gonçalves e Maria Creuza.Foi tradutor e professor de Inglês por quase 20 anos, experiência da qual se serviu em seu livro A arte de traduzir. Sua obra poética é vasta, tendo sido apreciada por nomes expressivos da cultura no Brasil e no exterior. Carlos Nejar o considera “poeta baiano e universal”; Jorge Amado ressalta em Ildásio Tavares sua “unidade de forma e conteúdo pouco habitual em nossa poesia”; Fernando Py assinala ser o poeta “definitivamente dono da técnica de todo tipo de verso”, “para quem a arte poética já não guarda segredos.” (http://www.edicoesgalobranco.com.br/template.php?pagina=/biografias.php&id_autor=77)

5 comentários:

Lice Soares disse...

Parabéns. Para quem escreve, o reconhecimento é jato de luz a direcioná-lo. São afagos, alimento para almas à busca, em sensibilidade, da amplitude do ser.
Parabéns, pelo lindo espaço.
Gostaria muito de receber a sua visita:
http://otelicesoares.blogspot.com
Um grande abraço

Gerana Damulakis disse...

Com um elogio vindo do poeta Ildásio, fiquei curiosa.
Parabéns pelas palavras que recebeu. Sucesso para vc.

Nívia Maria Vasconcellos disse...

Muito obrigada!! Foram palavras muitíssimo importantes para mim.

Abraço.

Lidi disse...

Também fiquei "prenhe de júbilo" por você, que é merecedora desses elogios! Um beijo.

Ana Carolina Barros disse...

Mas Ildásio falou oq eu já sei. Adoro o que escreve, moça.